Trumbo-Lista Negra e Anomalisa são destaques no cinema

trumbo_lista_negra

Por Janaina Pereira

Faltando um mês para a entrega do Oscar – aquela estatueta dourada que consegue levar um grande número de cinéfilos a ver os filmes que foram indicados a ela – mais algumas boas produções chegam aos cinemas brasileiros. Nesta quinta (28) é a vez de Trumbo – Lista Negra e Anomalisa.

Baseado no livro Trumbo (Ed. Intrínseca) de Bruce Cook, Trumbo – Lista Negra traz a história real de Dalton Trumbo, um dos maiores roteiristas da história do cinema (é dele o roteiro do clássico Spartacus, de Stanley Kubrick, com Kirk Douglas). Perseguido em Hollywood por ser filiado ao Partido Comunista, ele entra para a ‘lista negra’, é preso, e passa a escrever clandestinamente, usando pseudônimos. Além do ótimo roteiro, a atuação de Bryan Cranston (de Breaking Bad) é arrebatadora, e sua indicação ao Oscar de melhor ator é mais do que justa. Favorito ele não é, mas que merece estar lá, isso eu não tenho a menor dúvida.

O elenco conta ainda com a excelente Helen Mirren (esquecida entre as coadjuvantes para o Oscar) e Diane Lane. Mesmo só concorrendo em uma categoria do Oscar 2016, é uma ótima produção tanto na parte técnica (figurino, maquiagem, direção de arte, fotografia, tudo perfeito) como na dramática: cinéfilos não podem perder a chance de ver um pouco dos bastidores de Hollywood, em uma das épocas mais conturbadas da história.

 

Premiado no Festival de Veneza do ano passado, Anomalisa é a animação stop-motion escrita por Charlie Kaufman (roteirista de Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças), e dirigida por ele e Duke Johnson. No vídeo abaixo, eu comento sobre a exibição do filme no festival de cinema mais antigo do mundo.

 

Anomalisa concorre ao Oscar na categoria animação, e teria muitas chances se não fosse o sucesso Divertida Mente (vale lembrar que é a mesma categoria que está a produção brasileira O Menino e O Mundo, do Alê Abreu). A história gira em torno de Michael Stone, respeitado autor que está deprimido, solitário e incomodado com a rotina da sua vida. Durante uma viagem de negócios, ele se surpreende ao descobrir uma possível escapada de seu desespero: Lisa, uma despretensiosa atendente de telemarketing, que ele suspeita ser o amor de sua vida.

Uma curiosidade: Lisa e Michael são dublados por Jennifer Jason Leigh (indicada ao Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante por Os Oito Odiados, de Quentin Tarantino) e David Thewlis (A Teoria de Tudo), mas todos os outros personagens (independente de sexo ou idade) têm a voz de Tom Noonan (da série 12 Monkeys). A técnica de animação utilizada no filme usa modelos reais em diversos materiais (bonecos, no caso de Anomalisa). A imagem ganha movimento quadro a quadro e são necessários aproximadamente 24 quadros para cada segundo de filme.

Agora é só escolher um cinema pertinho de você e conferir!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s