Novo filme de Michael Fassbender decepciona em Veneza

 

imagePor Janaina Pereira, de Veneza

Um dos filmes mais esperados do Festival de Veneza esse ano, The Light Between Oceans, de Derek Cianfrance, decepcionou. O longa trouxe ao evento o ator Michael Fassbender, após cinco anos longe do Lido. Foi aqui que o mundo descobriu que por trás da beleza rústica de Fassy havia um grande ator – ele ganhou a Coppa Volpi de atuação masculina por Shame e sua carreira nunca mais foi a mesma.

Nem Fassy. Blindado até os dentes pelos assessores do filme, agentes, etc, o ator permance simpático, mas já não tem a mesma disponibilidade que antes.  Ainda assim, atrai multidões: a coletiva estava lotada e o alvoroço em torno de seu nome – foi o mais aplaudido pelos jornalistas – permanece (desde cedo fãs lotam o Lido para ver o ator hoje à noite no red carpet).

Mesmo o filme não sendo lá essas coisas, Fassbender mantém o alto padrão de suas atuações, entregando um personagem cheio de nuances. Ele interpreta um homem que encontra um homem morto e um bebê e quer contar tudo a polícia, mas a esposa (a recém oscarizada Alicia Vikander, em atuação mediana),  que já sofreu dois abortos, quer ficar com o bebê. O dilema do casal permeia o filme.

A crítica em vídeo do filme está aqui:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s